Pular para o conteúdo principal

Perfeita Contradição (Part. Fagner)

Na dor da peleja há luz
No riso tem lágrima
No adeus da saudade a voz que promete
Que em breve vai regressar

Na fé que eu já sei de cór
Tem dor que eu não sei rezar
Há verbo que adjetiva
Sujeito em perfeito amar

Nos dias que o tempo leva
Memórias que vão chegar
No avesso que não se mostra
Segredos pra se levar

Nem toda reza é santa
Nem todo escuro é breu
Nem toda beleza encanta
Nem tudo que tenho é meu

Nem todo amor nos ama
Nem todo ateu sem Deus
Nem tudo que não nos nega
Nem tudo que sou é meu

No céu do sertão tem mar
Na espera de renascer
No olhar sertanejo há sede de chuva
É crivo que clama ao céu

Na dor que eu já sei de cór
Na fé que não tem razão
Tem vértice no horizonte
Perfeita contradição

Nos dias que o tempo leva
Memórias que vão chegar
No avesso que não se mostra
Segredos pra se levar

Nem toda reza é santa
Nem todo escuro é breu
Nem toda beleza encanta
Nem tudo que tenho é meu

Nem todo amor nos ama
Nem todo ateu sem Deus
Nem tudo que não nos nega
Nem tudo que sou é meu

Nem toda reza é santa
Nem todo escuro é breu
Nem toda beleza encanta
Nem tudo que tenho é meu

Nem todo amor nos ama
Nem todo ateu sem Deus
Nem tudo que não nos nega
Nem tudo que sou é meu

Nem tudo que sou é meu
Nem tudo que sou é meu
Nem tudo que sou é meu
Nem tudo que sou é meu

Postagens mais visitadas deste blog

Frases - Padre Fábio de Melo

A maior prisão que podemos ter na vida é aquela quando a gente descobre que estamos sendo não aquilo que somos, mas o que o outro gostaria que fôssemos. 
Geralmente quando a gente começa a viver muito em torno do que o outro gostaria que a gente fosse, é que a gente tá muito mais preocupado com o que o outro acha sobre nós, do que necessariamente nós sabemos sobre nós mesmos.
O que me seduz em Jesus é quando eu descubro que n'Ele havia uma capacidade imensa de olhar dentro dos olhos e fazer que aquele que era olhado reconhecer-se plenamente e olhar-se com sinceridade.
Durante muito tempo eu fiquei preocupado com o que os outros achavam ao meu respeito. Mas hoje, o que os outros acham de mim muito pouco me importa [a não ser que sejam pessoas que me amam], porque a minha salvação não depende do que os outros acham de mim, mas do que Deus sabe ao meu respeito. Padre Fábio de Melo

A maior prisão que podemos ter na vida é aquela quando a gente...

A maior prisão que podemos ter na vida é aquela quando a gente descobre que estamos sendo não aquilo que somos, mas o que o outro gostaria que fôssemos. 
Geralmente quando a gente começa a viver muito em torno do que o outro gostaria que a gente fosse, é que a gente tá muito mais preocupado com o que o outro acha sobre nós, do que necessariamente nós sabemos sobre nós mesmos.
O que me seduz em Jesus é quando eu descubro que n'Ele havia uma capacidade imensa de olhar dentro dos olhos e fazer que aquele que era olhado reconhecer-se plenamente e olhar-se com sinceridade.
Durante muito tempo eu fiquei preocupado com o que os outros achavam ao meu respeito. Mas hoje, o que os outros acham de mim muito pouco me importa [a não ser que sejam pessoas que me amam], porque a minha salvação não depende do que os outros acham de mim, mas do que Deus sabe ao meu respeito.

TEM DIA QUE A GENTE PÕE VÍRGULA, TEM DIA...

TEM DIA QUE A GENTE  PÕE VÍRGULA, TEM  DIA QUE  COLOCAMOS RETICÊNCIAS,  TEM DIA QUE COLOCAMOS PONTO FINAL.  E TEM DIA QUE  TEMOS A NECESSIDADE DE VIRAR A PÁGINA.